Notícias
30-05-2018 - José Pastore diz que ingresso de ações caiu 50% com reforma trabalhista
...

O ingresso de ações na Justiça Trabalhista caiu 50% desde a entrada em vigor da nova lei em novembro do ano passado, disse nesta terça-feira, 29, José Pastore, sociólogo e especialista em relações do trabalho no painel "O Novo Ambiente Regulatório" no Fórum de Investimentos Brasil 2018, em São Paulo.

 

Para Pastore, que considera a aprovação da reforma trabalhista um dos maiores feitos do Congresso Nacional nos últimos tempos, a redução no número de processos é fruto da obrigatoriedade de o trabalhador que perde uma ação na Justiça do Trabalho arcar com as custas advocatícias.

"Isso é uma injeção na veia da saúde das empresas e segurança do trabalhador", disse Pastore. De acordo com ele, antes, o empresário no Brasil tinha medo de empregar. Outro ponto positivo de nova lei, segundo o especialista, é que agora os tribunais superiores do trabalho conseguem decretar uma sentença em questão de dias. Antes da nova lei, diz Pastore, levava meses e até anos.

Agência Estado