Notícias
25-06-2018 - Setor calçadista perde 3,9 mil empregos em meio a piora das exportações
...

Demanda interna mais fraca e queda nas exportações levaram o setor calçadista a registrar em maio o pior saldo de empregos do ano, com 3,9 mil vagas perdidas. O setor sofreu no período com uma temporada de encomendas fracas para as vendas externas de outono e inverno, afirma o presidente da Abicalçados, Heitor Klein. As exportações brasileiras de calçados caíram 4,9% em maio ante o mesmo mês do período anterior, chegando a 46,7 milhão de pares. "O dólar no momento em que estávamos negociando essas vendas ainda estava em R$ 3,20 a R$ 3,25", comenta Klein. Para ele, a sustentação do câmbio em patamares mais elevados até o final do ano poderia levar a uma retomada do crescimento das vendas externas, mas isso só afetaria as coleções do próximo verão.

 

A avaliação da Abicalçados é que o setor tinha uma perspectiva mais otimista no início do ano. Em janeiro, o saldo de empregos era positivo em 11 mil. "Em janeiro a gente imaginava que o ano não seria tão fabuloso, mas não pensava que seria tão ruim como está se apresentando", concluiu.

Estadão