Notícias
24-08-2018 - Cepal estima crescimento de 1,5%% para AL e de 1,6% para o Brasil
...

Apesar de incertezas externas, a América Latina e o Caribe mantêm uma trajetória de crescimento moderado, e suas economias crescerão 1,5% em 2018. De acordo com a Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal), isso será possível graças a um aumento da demanda interna, especialmente do consumo privado, e um leve aumento do investimento na região.

As informações estão no relatório Estudo Econômico da América Latina e do Caribe 2018, divulgado ontem (23) pela entidade. A projeção caiu 0,7 ponto percentual em relação à estimativa anterior, que apontava crescimento médio 2,2% em 2018. Embora apresente sinais de desaceleração, o crescimento mantém uma tendência positiva, de acordo com a Cepal.

Para o Brasil, a previsão da entidade para o crescimento do PIB, que estava em 2%, caiu para 1,6% para este ano. Um dos fatores para a desaceleração, segundo a Cepal, é a paralisação de 11 dias dos caminhoneiros, que aconteceu em maio, impedindo grande parte da circulação de mercadorias e, portanto, da produção. Além disso, os resultados do primeiro trimestre ficaram abaixo da trajetória esperada.

Agência Brasil