Notícias
28-11-2018 - Guedes promete mais diálogo com a indústria
...

 O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, prometeu a representantes da indústria que manterá um canal de diálogo direto com o setor. Com isso, procurou aplacar as preocupações dos industriais, que temiam ficar negligenciados com o fim do que é hoje o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (Mdic). A pasta tende mesmo a ser fundida ao superministério da Economia, apesar da proposta do empresariado de ser criado o Ministério da Produção, Emprego e Comércio.

Os industriais queriam uma pasta própria porque, historicamente, as políticas para o setor eram objeto de embate entre a Fazenda e a pasta da Indústria. Guedes explicou ao grupo que, ao fundir o Mdic no seu superministério, essa contraposição será eliminada. E assegurou que manterá um canal de diálogo aberto para avançar com uma agenda de retomada do crescimento econômico.

Participaram da reunião com Guedes, na sede do BNDES, oito entidades que representam as indústrias siderúrgica (Aço Brasil), têxtil (Abit), química (Abiquim), automobilística (Anfavea), de máquinas e equipamentos (Abimaq), de brinquedos (Abrinq), além da Associação de Comércio Exterior e da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC).

Agência Estado