Notícias
27-11-2019 - Alta do PIB dobra em 2020, mas emprego reage devagar, diz Ibre
Leia mais...

O crescimento econômico deve praticamente dobrar entre 2019 e 2020, mas o desemprego terá uma queda muito lenta e permanecerá em dois dígitos no próximo ano, avalia o Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre-FGV). Com o mercado de trabalho ainda fraco e inflação de alimentos mais pressionada, o consumo das famílias terá dois entraves a uma expansão mais robusta no próximo ano.

 

Na edição de novembro do Boletim Macro, o Ibre elevou a estimativa de alta do PIB em 2020, de 1,8% para 2%. A projeção para 2019 foi mantida em 1,1%. Segundo a entidade, os dados de atividade divulgados para o terceiro trimestre confirmam a visão de que está em curso uma recuperação gradual da economia.

Valor Econômico