Notícias
09-03-2020 - Abrameq na Fimec 2020, que começa amanhã
Leia mais...

A feira mais importante para os fornecedores brasileiros de tecnologia para a produção de couro e calçados começará nesta terça-feira (10) e se desenvolverá até quinta-feira (12). A Abrameq preparou uma série de atividades com o objetivo de potencializar as vendas das suas empresas associadas:

Feira receberá compradores internacionais de tecnologia para couro e calçados

Dias 9 e 10 de março, onze compradores de máquinas para couro e calçados estarão na Fimec, trazidos pela Abrameq, através do projeto By Brasil Components, Machinery and Chemicals, projeto de incentivo às exportações executada em parceria da Assintecal e Apex-Brasil, que também conta com parceria da Assintecal com a Abrameq para representar a vertical de máquinas para couro e calçados.

Participarão cinco compradores de tecnologia para couro, sendo um do México, outro da Colômbia e de três países da África (autorizados pela Apex e indicados pelo diretor de uma importante entidade: Africa Leather and Leather Products Institute (ALLPI). Buscando tecnologia para a produção de calçados virão dois compradores da Colômbia, dois do México, um da República Dominicana e um da Rússia.

A programação será esta: 

Calçado:

9 de março de 2020 -  Das 9h às 13h (Sala Agostinho Cavasotto - FENAC)

10 de março de 2020 - Das 09h às 13h (Sala Agostinho Cavasotto - FENAC)

Das 15h00 às 19h00 (Stand projeto - Esquina corredores T e H) 

Couro:

9 de março de 2020 - Das 9h às 13h (Sala Agostinho Cavasotto - FENAC)

10 de março de 2020 - Das 15h às 19h (Stand projeto – Esquina corredores T e H)

Show de conhecimento para a indústria do couro na Fimec

A Abrameq, em parceria com a Fimec, com o apoio do Instituto Senai de Tecnologia em Couro e Meio Ambiente e o CICB, coordenará a realização do Espaço Abrameq Conteúdo, que será desenvolvido no pavilhão 2, corredor B, estande 2060 da Fimec, de 10 a 12 de março. Trata-se de um ambiente repleto de conhecimentos que serão compartilhados com profissionais e empresários das indústrias do couro. A participação é gratuita e ocorrerão palestras durante os três dias de feira.

 

Programação:

Dia 10

15h – Como atender às políticas de substâncias restritas;

17h – Desenvolvimento de coleção – exclusividade atemporal;

18h – Transformação digital do curtume.

Dia 11

15h – Pastas pigmentadas concentradas;

17h – Kind Leather: ajudando a construir o futuro do couro;

18h – Alternativa para uma produção mais limpa no processo de ribeira.

 

Dia 12

15h - Como atender às políticas de substâncias restritas;

17h – Lean Manufactoring: eficiência para a competitividade;

18h - Desenvolvimento de coleção – exclusividade atemporal.

 

Visitas ao Curtume Modelo serão destaque

Além de conhecer as mais avançadas máquinas e tecnologias existentes no Instituto Senai de Tecnologia em Couro e Meio Ambiente, em Estância Velha, nos dias 10 e 12 de março, das 9h30min às 12h, os visitantes poderão ainda agregar conhecimento, participando de cursos rápidos que serão ministrados no local. 

Os cursos são:

Dia 10 - Substâncias Restritas na prática: Programa de Proficiência em Substâncias Restritivas – PPSR – Lucas Zoldan

Dia 12 - A transformação digital do curtume – André Nodari

As inscrições para esta ação da Abrameq devem ser feitas através do link: https://bit.ly/2UMmusg.

Setor de máquinas contemplado no Prêmio Primus Interpares Assintecal

Nesta segunda-feira (9), às 19h, no Swan Tower, Novo Hamburgo recebe mais uma edição do Prêmio Primus Interpares Assintecal. A premiação está é dividida em seis categorias: Ideias Inovadoras, Inovação Tecnológica, Design, Exportação, Sustentabilidade, Mulheres Empreendedoras.

O Prêmio Primus Interpares Assintecal 2020 é realizado pela Assintecal e conta com o apoio da Abrameq, que coordena o prêmio na categoria exportação para os setores de máquinas para couro e máquinas para calçados. Este prêmio visa estimular o setor por meio do reconhecimento e divulgação das empresas que se destacam na atividade do mercado externo com soluções e ações inovadoras, justificando sua posição como potencial exportador.