Notícias
13-05-2020 - Exportações da indústria gaúcha registram queda de 14,7% em abril
...

As exportações registradas pelo setor industrial do Rio Grande do Sul registraram queda de 14,7% em abril, na comparação com o mesmo período de 2019. Segundo pesquisa da Fiergs, os embarques de produtos somaram um total de US$ 760,9 milhões no mês passado.

 

A retração registrada foi a sétima consecutiva. Assim, desde outubro de 2019 as exportações do setor apresentam recuos. "A pandemia do coronavírus provocou a retração da produção e do consumo global, o que derrubou as exportações da indústria. Porém, desde o ano passado já registrávamos dificuldades por conta da crise na Argentina e desaceleração dos Estados Unidos. Por enquanto, ainda não temos como projetar quando a situação externa vai melhorar e quais os impactos dessa crise nas relações comerciais entre os países", aponta o presidente da Fiergs, Gilberto Porcello Petry.

 

A análise por setores mostra que, dos 23 segmentos da indústria de transformação que tiveram algum embarque em abril, 21 registraram queda sob a base de comparação mensal.

 

A queda nas vendas externas da indústria só não foi maior porque o setor de Alimentos, mais uma vez, impediu que ela fosse mais intensa. Na comparação mensal, o setor cresceu 63,9%, atingindo a 12ª variação positiva consecutiva. A China continua sendo a principal compradora, mesmo com a pandemia, com um crescimento de 286%. A Coréia do Sul também contribui para os maiores embarques do setor, pois seu rebanho foi afetado pela peste suína africana e a demanda por esse tipo de produto do RS continua forte. Os grupos de Carne de frango in natura (+26,3%) e Carne de suíno in natura (+52,9%) são responsáveis pelo desempenho do setor.

 

Jornal do Comércio