Notícias
16-06-2020 - Guedes diz que até novembro Brasil terá ano bom pela frente
...

O ministro da Economia, Paulo Guedes, avalia que entre setembro e novembro o Brasil terá um "ano novo muito bom pela frente". "Acho que lá para setembro, outubro, novembro, nós já estamos num novo país, com ano novo muito bom pela frente. Eu acredito nisso, vamos lutar por isso, manhã, tarde e noite. Estamos lutando por isso e acho que nós vamos conseguir", afirmou.

 
Para Guedes, a crise de saúde e econômica será superada e o país seguirá com as reformas. "Tenho certeza que o Brasil vai surpreender". Guedes disse ainda que a crise na economia gerada pelo novo coronavírus é uma "bomba biológica" que gerou uma situação de emergência fiscal. "As crises econômicas são basicamente tipificadas, conhecidas. Essa foi uma bomba biológica, absolutamente inédita", destacou.
 
Ele reforçou que a União não pode arcar com todas as perdas de receitas de estados e municípios devido à pandemia. Até porque a União também tem perdas de receitas. Para Guedes, se fizesse isso o governo deixaria "passivos impagáveis" para filhos e netos. "A União é uma viúva que não pode ser explorada, onde todo mundo empurra a conta. Parece muito esperto empurrar a conta para a União, mas isso é uma covardia dessa geração com filhos e netos", disse ele.
 
Agência Brasil