Notícias
08-09-2020 - Pesquisa da FIERGS revela que segundo semestre começa com atividade da indústria gaúcha em alta
...

A atividade da indústria gaúcha em julho, na comparação com junho, cresceu 3,2%, a terceira elevação consecutiva, aponta o Índice de Desempenho Industrial (IDI-RS), divulgado nessa terça-feira (8) pela FIERGS. "A pesquisa revela que a indústria gaúcha manteve, no início do segundo semestre, a tendência positiva em meio ao processo de flexibilização do isolamento e à recuperação gradual da economia do país. No entanto, mesmo intenso, o avanço ocorre em cima de base de comparação muito fraca, mantendo a atividade industrial em um nível baixo no mês", alerta o presidente da FIERGS, Gilberto Porcello Petry, lembrando o fato de em março e abril o IDI-RS ter registrado duas fortes quedas (10,5% e 14,3%, respectivamente), atingido o menor patamar da história, em razão das medidas rígidas na contenção da pandemia. Nos últimos três meses, o IDI-RS avançou 18,5%, mas ainda necessita crescer 10% para compensar as perdas de março e abril.

 
Segundo o presidente da FIERGS, embora a incerteza com a economia seja grande por conta da pandemia, do destino dos programas governamentais como o auxilio emergencial, das medidas de proteção ao emprego, e também em razão das questões fiscais envolvendo o governo, a tendência de recuperação pode continuar nos próximos meses.
 
Em julho, as principais influências positivas vieram do faturamento real (+7,3%) das compras industriais (+8,3%) e das horas trabalhadas na produção (+3,7%). Entre os componentes, o faturamento registra a recuperação mais rápida: está apenas 2,8% abaixo de fevereiro. O emprego (+1%) aumentou pelo segundo mês consecutivo, enquanto a Utilização da Capacidade Instalada-UCI (-0,1 ponto percentual), com grau médio de 74,9%, e a massa salarial real (-0,2%), ficaram muito próximas da estabilidade.
 
Comunicação da FIERGS