Notícias
15-04-2021 - Brasil tem condições de cumprir compromissos ambientais do acordo Mercosul-UE, diz CNI
...

O presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, afirmou nesta quinta-feira (15) que o Brasil reúne todas as condições necessárias para cumprir os compromissos na área ambiental firmados no acordo comercial entre o Mercosul e a União Europeia.

 

Andrade ressaltou que o Brasil é líder no tema ambiental, com ações nos níveis nacional e internacional, à frente, inclusive, de países com os quais a União Europeia possui acordos comerciais, sobretudo os asiáticos.

 

"Embora as políticas brasileiras nessa área sejam alvo de críticas, o Brasil reúne todas as condições para cumprir esses compromissos. Somos líderes mundiais na preservação do meio ambiente, e a biodiversidade está entre nossos melhores ativos", disse o presidente.

 

"Temos também uma sólida legislação interna, com alguns pontos nos quais somos mais severos até mesmo do que países desenvolvidos. A CNI e as associações setoriais da indústria vão reforçar a divulgação das políticas públicas e das práticas empresariais brasileiras em favor da sustentabilidade", afirmou Braga de Andrade.

 

A avaliação foi realizada durante a live Mercosul e União Europeia – Superando obstáculos para a implementação do acordo em 2021, com a participação de representantes dos poderes Executivo e Legislativo.

 

A conclusão do acordo entre o Mercosul e a União Europeia, em 2019, foi a principal conquista recente do Brasil, do bloco e do setor empresarial na agenda de acordos comerciais. A CNI trabalhou ativamente para a retomada das negociações desse tratado ainda em 2012 e desde então se mantém na linha de frente para garantir a coesão do setor empresarial em prol do seu andamento.

 

O próximo passo é a internalização do acordo pelos membros dos dois blocos. Para a CNI, é imprescindível que o governo brasileiro continue trabalhando para a sua implementação ainda em 2021.

 

Portal da Indústria